A boneca Barbie como você nunca viu antes


boneca barbie


Escultura anatômica revela as proporções distorcidas no interior do corpo da boneca

Barbie, a boneca mais famosa do mundo, tem o corpo dos sonhos de qualquer mulher. Pernas longas e finas, busto generoso e cintura fina. Apesar de servir de modelo para as meninas e mulheres de todo o mundo, o artista americano Jason Freeny acaba de comprovar que o corpo da Barbie não é possível existir na vida real.

O artista fez uma escultura do interior do corpo da boneca para demonstrar que seus órgãos vitais ficariam esmagados e distorcidos por causa das proporções deformadas de seu corpo, tais como a cintura extremamente fina. "Eu gostaria de ver o sistema esquelético e os órgãos do corpo e mostrar que todos os seus recursos são distorcidos”, disse ao jornal britânico Daily Mail.

Há anos, a boneca é alvo de críticas de grupos feministas que alegam que ela promove um modelo doentio de imagem corporal para as meninas do mundo todo.

As medidas da Barbie nunca foram reveladas oficialmente. Especula-se que ela tenha 1,75m de altura, com 83 cm de quadril, 91 cm de busto e 45 cm de cintura.

Se ela existisse, pesaria em torno de 49 quilos e teria um IMC (Índice de Massa Corpórea) de 16,24, o que é considerado muito abaixo dos padrões dos critérios de peso e relaciona a anorexia.

Jason também voltou suas atenções para outros brinquedos icônicos e deu-lhes o mesmo tratamento de dissecção, tais como a gatinha Hello Kitty e Mickey Mouse. Seu próximo desafio é fazer o mesmo trabalho em Ken, o namorado da Barbie. Será que o corpo do boneco pode existir na vida real? 

1 Comentário:

Anna Gbriella Silveira disse...

deus é mais que babie é essa

Postar um comentário

Arquivo do blog

Pesquisar Dicas de Saúde

  ©Siga a Saúde - Dicas de Saúde, Bem Estar, Qualidade de Vida, Saúde da Família - Todos os direitos reservados.

Topo